sábado, 29 de setembro de 2012

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Escrever sempre me levou pra perto de ti.
Se eu sentia muito a tua falta
Te escrevia uns versos e afagava em mim a saudade.
Agora não escrevo mais
Não te escrevo mais.
Você é a doença.
Você é a cura.
Preciso urgente te ver
Para que devolvas meus versos.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Sentir


Silenciei minha voz

Meu coração não acompanhou.

Ele pulou, saltou do peito.

Não vê que sou assim?

Não falo de amor.

Me escondo de mim.

 Patty Coelho.