quinta-feira, 21 de abril de 2011

Ferida Aberta - Marina de Oliveira.

O sol se foi

Se foram os meus dias

A dor feriu a minha alegria

A solidão foi a certeza que restou em mim

Mas ainda respiro

Podes me ouvir? Gritar, não consigo

Vem me abraçar, Senhor

Mesmo que saia de mim só gemidos

Quem sabe assim a ferida começa fechar



Mestre...

Não há outro  que conheça tão bem

A profunda dor deixada por alguém

Mostra-me o caminho da superação

Mestre...

Há uma ferida aberta no meu peito

Às vezes penso que não tem mais jeito

Mas Tu És minha motivação...



Só Teu olhar pra chorar minhas lágrimas

Só Teu falar para dizer o que precisa ouvir um coração tão em pedaços

Pedaços de Vida

Podes me ouvir? Gritar, não consigo

Vem me abraçar, Senhor

Mesmo que saia de mim só gemidos

Quem sabe assim a ferida começa fechar



Mestre...

Não há outro conheça tão bem

A profunda dor deixada por alguém

Mostra-me o caminho da superação

Mestre...

Há uma ferida aberta no meu peito

Às vezes penso que não tem mais jeito

Mas Tu És minha motivação!


Música de Marina de Oliveira, para todos aqueles que sofrem por terem perdido algúem que se ama.

Nenhum comentário:

Postar um comentário